Por que a hidratação é tão importante diante do cenário de Covid-19?
Publicado em 01/04/2020
A falta de água altera a fluidez do sangue e compromete o transporte de nutrientes e oxigênio, prejudicando a resposta imunológica do nosso organismo

A Covid-19, causada pelo coronavírus, é uma doença infecciosa que afeta as vias respiratórias, cujos sintomas são parecidos com os de uma gripe comum, sendo tosse seca, febre e dor de garganta os mais característicos, já a coriza nem sempre ocorre. Se a doença progredir com febre alta e dificuldade para respirar, é hora de procurar o serviço de saúde!

Para que possamos nos prevenir é importante que nosso sistema imunológico esteja a todo vapor. Alguns hábitos diários podem ter um impacto significativo frente ao coronavírus, como o hábito de tomar água. Sim, algo muito simples, mas que pode ter uma gigantesca relevância frente à situação que estamos vivendo.

Beba água

Beba agua

A água é um elemento fundamental ao organismo, está presente no sangue e nas células, exercendo várias funções essenciais. É o meio de transporte de várias substâncias, desde a sua ingestão, absorção até a eliminação. Contribui de maneira significativa para a melhora da imunidade, e é o sistema imunológico que impede o aparecimento de doenças e processos infecciosos como a gripe, ou mesmo a Covid-19.

Nosso sistema imunológico é composto por inúmeras células, órgãos e tecidos que, de maneira conjunta, atuam para a proteção do nosso corpo, produzindo anticorpos que auxiliam no combate de vírus e bactérias. Portanto, manter uma boa ingestão diária de água é essencial para uma boa imunidade.

A desidratação muda a fluidez do sangue, comprometendo o transporte de nutrientes e oxigênio, impedindo o funcionamento adequado das células, atrapalhando a resposta imunológica do nosso organismo. Manter a hidratação adequada do nosso corpo permite o funcionamento da imunoglobulina IgA (presente principalmente na saliva), que é um anticorpo importante para a defesa imunológica contra infecções.

A ingestão de líquidos ao longo do dia deixa a boca molhada, enviando, assim, sinais constantes ao sistema nervoso para que a produção de saliva não pare, prevenindo a desidratação, preservando esse fluxo de saliva e a concentração de IgA.

Os idosos são considerados grupo de risco para a desidratação, pois eles apresentam comprometimento dos sistemas que regulam o equilíbrio da água corporal, tendo menos sede e maior chance de perder água e eletrólitos. Daí a importância de conscientização de todos sobre a necessidade de consumir água ao longo do dia.

A quantidade diária adequada de água para pessoas adultas é de 35mL por quilo de peso corporal. Exemplo: 35mL x 60kg = 2,1 litros de água por dia.

Um parâmetro interessante para saber se a quantidade de água tomada está adequada é olhar para a coloração da urina, a qual não pode estar nem muito amarelada nem muito clara, o ideal é que esteja levemente amarelada.

Além do consumo adequado de água, é fundamental que se mantenha uma alimentação equilibrada, composta por todos os grupos de nutrientes, tendo como base o arroz e feijão, acrescido de frutas, verduras, legumes e carnes ou ovos. Praticar exercícios físicos regulares, dormir bem e manter-se otimista, tudo isso é essencial para termos uma boa imunidade e prevenir a Covid-19.


O que você precisa saberVer todos
Recursos humanosVer todos