Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo!






Comunicar Erro

Verifique os campos abaixo!




DIÁLOGO30/06/2015 - Atualizado em 03/07/2015

Jovens de Itaperuçu refletem sobre ações em prol do desenvolvimento do município

As ideias surgiram a partir da mobilização promovida pelo Sesi no Paraná

Com o intuito de estimular os jovens a pensar e tomar atitudes em benefício do município em que vivem, o Sesi no Paraná realizou a mobilização Dialogando sobre o Desenvolvimento com 29 participantes do Grupo de Jovens Pavilhão da Paz, de Itaperuçu, na última sexta-feira (26). A ação aconteceu na Capela São José, espaço cedido pelo próprio grupo, o qual realiza as reuniões todas as sextas-feiras no local.

clique para ampliarclique para ampliarJovens planejam atividades em prol do desenvolvimento da região. (Foto: Divulgação)

Na ocasião, foram apresentados aos jovens os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), fazendo-os refletir sobre as ações que já existem no município e planejar de que forma poderiam fazer algo. “Nós já tínhamos projetos em mente e não sabíamos como colocar em ação. A iniciativa foi muito boa, pois conseguimos compartilhar melhor as ideias e, com o apoio do Sesi, vamos nos reunir para transformar em ação”, relata a participante do grupo, Jamaiane Caroline Artiga.

Ao fim do diálogo, três ações surgiram nos grupos, as quais entrarão em prática ainda este ano. A primeira foi um “Centro de Solidariedade Pavilhão da Paz”, no qual as pessoas poderiam oferecer ajuda a quem precisa com trabalho voluntário ou doações. A segunda, “Arte Educativa com Amor” e a terceira, “Música, Artes e Cia”, tiveram a ideia bem parecida, com ofertas de oficinas de música, artes e esportes. “Vários jovens entram na criminalidade aos 10 anos, então queremos dar suporte a essa faixa etária”, pontua Jamaiane.

Para o vice-coordenador do grupo, Josnei Borges, a mobilização foi muito positiva para todos, pois o grupo possui muitas ideias. “Os que foram gostaram muito, pois são assuntos que eles gostam de lidar. Eles tiveram a oportunidade de expressar e mostrar que podem fazer algo ao próximo. As ideais englobaram a prevenção e a ajuda ao próximo, duas coisas fáceis de acontecer”, pontua Josnei. 

De acordo com a agente de desenvolvimento local, Thainara Moreira da Silva, esse tipo de mobilização permite que os indivíduos pensem a fundo nas necessidades que o município tem e tomem a iniciativa de dar um primeiro passo. “Eles têm a oportunidade de expor suas ideias e compartilhar com os colegas, podendo aprimorá-las e colocá-las em prática. Durante a reunião, percebi que eles já tinham várias ações em mente, portanto, nosso diálogo facilitou o amadurecimento das ações”, finaliza a agente.

Sesi   Serviço Social da Indústria (Paraná)   Direitos Reservados
Av. Cândido de Abreu, 200   Centro Cívico   80530-902   Curitiba   PR