Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo!






Comunicar Erro

Verifique os campos abaixo!




16/08/2019

[BLOG] Você conhece a metodologia do Colégio Sesi?

O Colégio Sesi é referência por sua metodologia inovadora! Mas você conhece, de fato, nossa metodologia?

Tradicional, Construtivista, Montessoriano, Waldorf, Sociointeracionista. Estes são alguns das concepções de educação surgidas na Europa mais conhecidos no país. O que poucos sabem é que no Brasil, há pouco mais de 23 anos, foi criado um método inovador, que chamou a atenção do mundo: as Oficinas de Aprendizagem.

Na década de 1990, pensar e conceber uma escola sem matérias regulares, que desse mais autonomia ao aluno e se preocupasse principalmente em formar um cidadão preparado para a vida poderia parecer uma ideia ousada demais. Mas foi o que a educadora Márcia Rigon (28 de dezembro de 1950 – 13 de junho de 2013) implementou em Montenegro, região metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Formada em Letras e especialista em linguística e filologia, Márcia lecionou por mais de 30 anos em escolas de Ensino Médio públicas e particulares, o que a fez refletir sobre os métodos mais empregados e a pesquisar sobre uma alternativa ao que já existia. Seu objetivo era chegar a um modelo no qual o aluno tivesse mais poder de escolha sobre o seu aprendizado, afim de que se envolvesse de forma mais profunda com a escola e tivesse prazem em aprender.

Oficinas de Aprendizagem

Estudantes mais proativos e conscientes de suas responsabilidades, que sabem trabalhar em equipe e pesquisar são algumas das vantagens da metodologia batizada de Oficinas de Aprendizagem, que leva o professor a atuar como mediador do conhecimento. Ele desocupa o papel central na sala de aula para dividir o protagonismo com o aluno. Para induzir à dinâmica, os alunos sentam em mesas redondas em equipes de cinco. Assim, podem trocar informações, construindo uma educação participativa.

O método é chamado assim porque o conteúdo é disseminado por meio de oficinas sobre os mais diversos temas. Os alunos têm uma matriz curricular normal – como define o Ministério da Educação. No entanto, a matemática, o português, a geografia, a química, a física etc, são aprendidas de forma contextualizada a partir do assunto definido para cada oficina.

A cada trimestre os alunos podem escolher entre as Oficinas disponibilizadas para aquele período. O fato de as turmas serem interseriadas é outra característica importante, que estimula a integração e o respeito na escola e evita situações de bullying. Apesar de o dia a dia ser em equipe, as avaliações são, além de em grupo, individuais, por isso, todos precisam contribuir.

Essas peculiaridades – as disciplinas serem transmitidas de forma interdisciplinar e contextualizada, o trabalho em equipe e as turmas interseriadas, tornam a metodologia inovadora. Instigando os alunos a construírem o aprendizado, acaba preparando-os para o mercado de trabalho e para a vida. Nós acreditamos que elas trazem aos estudantes as habilidades que a indústria 4.0 precisa. E você, o que acha das Oficinas de Aprendizagem?

Sesi   Serviço Social da Indústria (Paranà)   Direitos Reservados
Av. Cândido de Abreu, 200   Centro Cívico   80530-902   Curitiba   PR